terapia,Como saber que eu preciso de terapia,Sinais de que você precisa de ajuda,problemas para dormir,terapia cognitiva comportamental

Blog

Post

Como saber que eu preciso de terapia?

Como sei se devo ir ao psicólogo?

Todos nós passamos por momentos ou situações complicadas. A terapia pode ajudar em qualquer momento da nossa vida, independente da gravidade de nossos problemas.


Ninguém gosta de sofrer, mas o sofrimento é uma parte natural da nossa existência.

O ponto chave é como nós o processamos, o que fazemos com ele.

Pedir ajuda psicológica é um dos muitos recursos disponíveis para solucionar situações em nossa vida. Mas as pessoas geralmente enfrentam uma posição ambivalente.

Ainda hoje prevalece o pensamento de que apenas as pessoas mais “fracas”, que sofrem de algum tipo de transtorno mental ou que são consideradas “loucas” devem procurar o psicólogo. Porém, isso não é verdade.

O psicólogo pode ajudar em qualquer momento da nossa vida, independente da gravidade de nossos problemas.

“Não há hierarquia de dor. O sofrimento não deve ser classificado, porque a dor não é uma competição.” 
― frase da psicoterapeuta Lori Gottlieb, no livro “Talvez você devesse falar com alguém: uma terapeuta, o terapeuta dela e a vida de todos nós”.

Todos nós passamos por momentos ou situações difíceis, nas quais continuar emocionalmente estável pode ser um pouco mais complicado.

E é exatamente aqui que o trabalho do terapeuta pode ser um grande aliado.

A psicologia pode nos ajudar — sejam nossos problemas muitos sérios ou não.

Em qualquer caso, ela fornecerá técnicas e conhecimentos que permitirão desenvolver melhor o nosso dia a dia, promovendo uma melhor qualidade de vida.

Sinais de que você precisa de ajuda psicológica

Caso você tenha dúvidas se necessita do apoio de um psicólogo, alguns sinais podem ajudar você a tomar uma decisão. Qualquer uma das situações relacionadas abaixo já é um motivo para procurar apoio profissional. Confira:

Alterações frequentes de humor

Mudanças de humor podem acontecer com qualquer pessoa.

Estar um dia mais feliz, no outro, um pouco menos, não consiste em alguma alteração psicológica.

Porém, se as sensações de altos e baixos acontecem com frequência, elas devem ser analisadas e tratadas.

Se você perceber que suas mudanças de humor são muito fortes e ocorrem quase diariamente, é aconselhável que você procure um terapeuta para avaliar adequadamente os sintomas.

Motivos para fazer terapia.
Dificuldade de pensar com clareza, súbitas e constantes mudanças no humor são motivos que devem levá-lo a considerar a busca por terapia.

Perda do autocontrole

Outro aspecto importante para determinar se você precisa ou não de ajuda psicológica é a percepção de autocontrole.

A incapacidade de se controlar é mais ou menos fácil de detectar e pode indicar a necessidade de ajuda.

Quando uma pessoa não é capaz de se controlar, precisa aprender a entender suas emoções e lidar com elas.

E essa impulsividade pode causar muitos problemas em relacionamentos, problemas profissionais ou mesmo conflitos entre amigos e no âmbito familiar.

“Acredito que a função do terapeuta deve ser ajudar as pessoas a se tornarem livres para conhecer e vivenciar suas possibilidades.” — Rollo May, psicólogo.

Sintomas no corpo

Muitas psicopatologias são acompanhadas por uma ampla gama de sintomas físicos que causam sensações desagradáveis.

No entanto, nem todo distúrbio psicológico costuma causar grandes efeitos no nosso organismo. Alguns são quase imperceptíveis. Tanto que apenas um especialista seria capaz de os detectar.

Já algumas psicopatologias específicas podem ter efeitos mais perceptíveis.

Dores no corpo, sensação de sufocamento, palpitações, tonturas, sudorese, tremores, fadiga excessiva, náuseas, calafrios, coceiras, vermelhidões ou outras sensações podem estar sendo causadas por um problema de ordem psicológica.

Ao nos sentirmos assim, é aconselhável consultar um psicólogo ou psiquiatra para avaliar a extensão dessas alterações.

“Se você não acha que sua ansiedade, depressão, tristeza e estresse afetam sua saúde física, pense novamente. 
Todas essas emoções desencadeiam reações químicas em seu corpo, que podem causar inflamação e enfraquecimento do sistema imunológico.” — Kris Carr, autora e ativista do bem-estar.

Pensamentos negativos

Um estado psicológico normal não se baseia em possuir apenas pensamentos positivos, uma vez que os pensamentos negativos também desempenham um papel em nossa mente.

Porém, quando os pensamentos negativos são mais recorrentes — e dificilmente conseguimos ver o lado positivo das coisas — isso pode ser considerado um sinal de que a terapia será bem-vinda.

Os pensamentos têm um elevado potencial para nos causar emoções e sentimentos. Se são constantemente negativos, facilmente poderemos ser acometidos por sentimentos de tristeza ou insatisfação.

Dificuldade para pensar com clareza

Se você perceber que tem dificuldade em pensar de forma lógica, suas ideias vão sempre em uma mesma direção e é difícil raciocinar com clareza, você provavelmente precisará consultar um psicólogo para reverter essa situação.

Esse fato pode nos levar a concentrar toda a nossa vida de uma única perspectiva, deixando escapar a nossa capacidade de interpretar e pensar de maneira saudável.

“A terapia cognitiva é baseada na ideia de que, quando você muda a maneira como pensa, pode mudar a maneira como se sente e se comporta. Em outras palavras, se pudermos aprender a pensar nas outras pessoas de maneira mais positiva e realista, será muito mais fácil resolver conflitos e desenvolver relacionamentos pessoais e profissionais gratificantes.” — David D. Burns, psiquiatra norteamericano.

Problemas para dormir

Ter um sono saudável é fundamental. As dificuldades para dormir manifestam uma alteração mental que impede o nosso relaxamento e nosso repouso de forma adequada.

Se, por um período prolongado, você não conseguir conciliar adequadamente seu sono, é conveniente ir a um psicólogo.

O descanso é uma necessidade básica que as pessoas têm. Então, inverter a situação quando temos problemas para dormir é de vital importância.

Sentir-se no limite

Às vezes, a vida pode nos levar a situações extremas em que não sabemos como agir adequadamente.

Quando isso ocorre, não significa que estamos sofrendo de uma alteração psicológica, mas sim que estamos simplesmente imersos em uma situação sem conhecer os recursos necessários para administrá-la.

E ao ficarmos nessas situações por um longo tempo, nosso estado mental pode ser afetado. Por isso, é geralmente aconselhável ter algum tipo de ajuda psicológica para facilitar o processo.

Com a ajuda profissional, teremos meios para gerenciar e resolver os problemas presentes e aprender a proteger nosso estado mental.


Para obter mais informações sobre terapia, sugerimos que você leia os textos abaixo:

Como funciona a terapia online? Esclareça todas as suas dúvidas sobre o atendimento psicológico via internet.

➜ Como é a primeira sessão de terapia? Neste texto, detalhamos vários aspectos sobre os quais as pessoas costumam ter curiosidade. Clique no link para acessar!

Quando procurar um neuropsicólogo? Saiba quando é aconselhável recorrer a este tipo de abordagem clínica.


Clínica de Psicologia Nodari
Especializada em Terapia Cognitivo-Comportamental (TCC)
Atendimentos Particulares em Psicoterapia e Avaliação Neuropsicológica

Está localizada na Vila Mariana, São Paulo/SP
11 99725-4565

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Clínica de Psicologia Nodari

Nosso blog tem como objetivo trazer textos dicas, ferramentas, informações, enfim, conteúdos que acreditamos que possam ajudar as pessoas a melhorar o seu bem-estar e qualidade de vida. Além de refletir a importância da psicoeducação no processo terapêutico.

Oferecemos atendimentos psicológicos em:

  • Psicoterapia - Terapia Cognitivo Comportamental (TCC) e
  • Avaliações Neuropsicológicas.
  • Outros Posts

    plugins premium WordPress